Os Piores de 2012

2012 foi um ano excelente, do ponto de vista do mercado, para a indústria cinematográfica norte-americana. Além do recorde de US$ 10,8 bilhões de arrecadação pelos estúdios, tivemos um aumento no número de ingressos vendidos - isso, em termos domésticos, dentro do próprio Estados Unidos. O sucesso de público se repetiu no exterior, em que tivemos os casos de alguns filmes que chegaram a arrecadar duas ou, até mesmo, três vezes mais nos países estrangeiros.

Apesar do entusiasmo com os números, a verdade é que 2012 foi um ano estranho e discreto, em que o cinema, mesmo na fase do Verão norte-americano (época em que os grandes blockbusters são lançados), não ofereceu obras que fossem realmente memoráveis. A temporada do Oscar (que está no seu ápice nos Estados Unidos e deve começar no Brasil no primeiro trimestre desse novo ano) está aí para mudar um pouco dessa trajetória e tentar deixar algum filme no imaginário do público.

Entretanto, o que mais chama a atenção na nossa primeira parte da retrospectiva de 2012, em que destacamos os piores filmes e atuações de 2012, é o fato de que metade da lista é composta por obras oriundas do nosso cinema, o brasileiro. Isso é resultado direto da tentativa de ousar, de fazer algo diferente, com um tipo de linguagem com a qual não estamos acostumados. Pode funcionar com algumas pessoas, mas comigo não colou.

A outra metade da lista é composta por produções norte-americanas, de diversos gêneros, mas que possuem algo em comum: roteiros problemáticos ou a insistência em fórmulas que já estão bastante saturadas (casos dos filmes de Adam Sandler e Sacha Baron Cohen). Porém, curiosamente, em muitos casos, é justamente isso que faz sucesso. Então, fica a reflexão: existe algum lado errado nessa história? Podemos pensar que não, uma vez que o cinema também tem a função de entreter as pessoas. Mas, aí, caberia ao público exigir um entretenimento de qualidade e isso passaria pelo fracasso de determinados longas. Enquanto isso não ocorre, fiquem com a nossa lista de Piores Filmes de 2012, tendo como base os longas que foram lançados nas salas de cinema de todo o Brasil em 2012 (para ler as respectivas críticas, é só clicar na figura).

Agamenon
O Ditador
E a Vida Continua
Reis e Ratos
Billi Pig
Furia de Titãs 2
Como Agarrar
Projeto X
Poder Sem Limites
Jack and Jill
Piores Atuações Masculinas de 2012:
Hubert Aranha, As Aventuras de Agamenon - O Repórter
Tom Cruise, Rock of Ages: O Filme
Ice Cube, Anjos da Lei
Dane DeHaam, Poder Sem Limites
Jonah Hill, Anjos da Lei
Chris Klein, American Pie: O Reencontro
Selton Mello, Reis e Ratos
James Purefoy, John Carter: Entre Dois Mundos
Cauã Reymond, Reis e Ratos
Seann William Scott, American Pie: O Reencontro

Piores Atuações Femininas de 2012:
Kate Beckinsale, Anjos da Noite 4: O Despertar
Kate Beckinsale, O Vingador do Futuro
Marion Cotillard, Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge
Maggie Grace, Busca Implacável 2
Maggie Grace, A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 2
Alyson Hannigan, American Pie: O Reencontro
Grazi Massafera, Billi Pig
Luana Piovani, As Aventuras de Agamenon - O Repórter

A Pior Cena do Ano:

Até atrizes como Marion Cotillard e diretores como Christopher Nolan perdem a mão, às vezes. (Cuidado com os spoilers)

20 comments

  1. marciosantos0567 3 janeiro, 2013 at 23:54 Responder

    Oi Kamila! Gostei da sua lista, com exceção, claro, de Poder Sem Limites, que no meu caso foi para a lista dos 10 Melhores do Ano e que considero um dos mais subestimados desta temporada. Grande abraço! Depois confere as minhas listas lá no meu blog.

  2. Mayara Bastos 4 janeiro, 2013 at 01:22 Responder

    Primeiramente, Kamila, amei o novo visual do site, está lindo! Parabéns!

    Segundo, da lista, só vi “Agamenon”, mas a vergonha era tanta que tive que parar o filme e continuar depois: demorei dois dias pra terminar, uma tortura. Vergonha do Marcelo Adnet, um cara bacana (os esquetes de comédia que ele fazia na MTV são muito bons), participa de muitas porcarias no cinema.

    Beijos! 😉

    • Kamila Azevedo 4 janeiro, 2013 at 10:19 Responder

      Robson, um dia, vou ter esse mesmo privilégio! rsrsrsrs

      Marcio, muita gente gosta de “Poder sem Limites”, mas eu não consegui gostar desse filme. Achei o roteiro muito clichê e o final muito chocho. Vou conferir sua lista, depois! Abraço!

      Mayara, obrigada! “Agamenon”, realmente, é um filme péssimo! Vergonhoso. Nem o Marcelo Adnet, que é mesmo talentoso, se salva. Do mesmo jeito que nem a Marion Cotillard, uma ótima atriz, se salva nessa cena. Mas, ei, somos todos humanos e passíveis de cometer erros. Beijos!

  3. Hneto 4 janeiro, 2013 at 10:50 Responder

    Mas precisava ter tanto filme nacional em sua lista? E olhe que De Pernas pro Ar 2, Os Penetras, E Aí comeu? e Até que a sorte nos separe nao entraram na seleção. Publiquei minhas listas no final do último ano.

  4. Weiner 4 janeiro, 2013 at 13:20 Responder

    Acho que você não faz ideia do quanto eu ri dessa sua escolha. 😀
    A cena, quando inserida no filme, até passa, mas assisti-la separadamente me fez pensar que a Marion relamente está MUITO mal em BATMAN RISES. Essa morte está hilária!
    Porém ela jamais prejudica o filme, continuo achando as resoluções do roteiro inteligentes (ainda que ligeiras) e Batman foi para mim, um excelente final para uma excelente trilogia.
    E AGAMENON não é apenas o pior filme do ano, mas o pior filme nacional já feito e um dos piores que vi na vida.
    Beijos!

  5. Reinaldo Glioche 4 janeiro, 2013 at 13:28 Responder

    E Batman – o cavaleiro das trevas ressurge, quem diria, teve um bom destaque nessa lista. Concordo! Aliás, concordo com praticamente toda a sua lista Ka. Com exceção da inclusão de “O ditador” como um dos piores filmes do ano. Não é o caso de incluí-lo entre os melhores, mas é um filme bem bom. Acho que revitaliza a linguagem de Cohen e acerta em cheio em uma série de piadas…
    Beijos

    • Kamila Azevedo 4 janeiro, 2013 at 17:23 Responder

      Herculano, precisava, infelizmente. Como eu disse: o experimento, o diferente, pode ter funcionado com algumas pessoas. Comigo, não… E olha que eu tentei, viu? Não assisti ainda “De Pernas pro Ar 2”. Eu vi as suas listas. Cheguei até a comentar nelas.

      Weiner, faço uma leve ideia do tanto que você riu, porque eu ri também quando fiz minha escolha. rsrsrs Acho que a cena, até mesmo quando inserida no filme, é muito notada, porque foram muitos comentários sobre a ruindade dessa atuação, nesse determinado momento. Me espanta até que um diretor tão bom quanto o Christopher Nolan, dentre os muitos takes que a Marion deve ter feito dessa cena, achou que ESSE foi o melhor de todos. Não entendo isso! Juro! Concordo com você, no entanto, que ela jamais prejudica o filme, apesar de eu ter achado esse o mais fraco da trilogia. Concordo também com seu comentário sobre “Agamenon”. Beijos!

      Reinaldo, um destaque merecido, né? Porque o filme é fraco, o pior da trilogia e essa cena da Marion Cotillard é imperdoável. Eu acho que o cinema do Sacha Baron Cohen não é pra mim. Por mais que ele tenha tiradas bastante inteligentes, acho “O Ditador” um filme bem fraco, mas confesso que posso ter pegado pesado demais com essa obra. Beijos!

  6. CeloSilva365 4 janeiro, 2013 at 14:36 Responder

    Também me privei de muita coisa ruim nesse ano que passou, tenho assistido uns dois filmes de sua lista. Apenas discordo da inclusão de Projeto X, ao meu ver, uma das melhores comédias do ano passado. Entretanto, a sua lista parece um tanto justa. Abração.

    • Kamila Azevedo 4 janeiro, 2013 at 17:25 Responder

      Celo, eu preciso aprender a me privar mais dos filmes ruins e decidir melhor aquilo que eu assisto. Essa pode ser uma meta para 2013! 🙂 “Projeto X” entra aqui por ser um filme completamente e totalmente irresponsável. Abraço!

      Cassiano, sim, a Marion. Essa cena dela, em “O Cavaleiro das Trevas Ressurge” é imperdoável. Um exemplo de atuação ruim. Que bom que você não viu nenhum desses filmes ruins. Um dia, eu chego lá!

  7. wallace3110 7 janeiro, 2013 at 11:29 Responder

    4 brasileiros entre os 5 piores do ano, hein… rs. Então, mas não desgosto tanto de BILLI PIG e acho O DITADOR um bom filme. Também curto PODER SEM LIMITES, apesar de não achá-lo nenhuma obra-prima. Agora, apesar de gostar desse último BATMAN, concordo totalmente com a escolha da pior cena do ano.

  8. Elton Telles 17 janeiro, 2013 at 01:37 Responder

    Esse ano eu não fiz lista dos piores porque julgo que vi poucos “filmes ruins” suficientes para fazer um top 10. Me poupei em 2012, pq se o mundo fosse mesmo acabar, eu não iria desperdiçar meu tempo vendo filmes ruins, poxa… rsrs

    Da sua lista, só vi 4 filmes. Três deles eu concordo muito, mas eu gostei de “Poder sem Limites”. Achei beeem interessante e com uma pegada meio oitentista e tal. Só o final q é meio WTF q o rapaz lá despiroca de vez rs, mas achei bem bom. Triste ver tantos filmes nacionais ranqueados, mas é… triste realidade: o cinema comercial brasileiro tá de parabéns, só que ao contrário. Uma lástima.

    E o Bátema merecidamente aí na lista! HAHAHA! Ai, Marion, por que…? rs

    Bjs, e feliz 2013! o/

    • Kamila Azevedo 20 janeiro, 2013 at 12:57 Responder

      Elton, eu quero chegar nesse ponto: não ter que fazer lista de piores do ano… Vou tentar ser mais seletiva, em 2013, me poupar mais, só ver o que for interessante mesmo, sem desperdiçar meu tempo com os filmes ruins. Muita gente gosta de “Poder sem Limites”, menos eu e mais algumas outras pessoas. rsrsrs Marion errou feio no Batman! Beijos e Feliz 2013!

Deixe uma resposta