O que Esperar Quando Você Está Esperando

A comédia romântica “O que Esperar Quando Você Está Esperando”, dirigida por Kirk Jones, tirou seu título do livro homônimo escrito por Heidi Murkoff e Sharon Mazel, que é um guia que apresenta conselhos para as mulheres desde o momento em que elas suspeitam estar grávida, passando pelos nove meses de gravidez, até culminar no período pós-parto. O livro é um verdadeiro sucesso nos Estados Unidos e, desde o seu ano de publicação (1984), pode ser encontrado constantemente na lista de livros mais vendidos do país de acordo com o jornal The New York Times, além de ser considerada a bíblia norte-americana sobre a gravidez.

Apesar disso, o roteiro escrito por Shauna Cross e Heather Hach não é uma adaptação literal do livro. Muito menos, coloca a obra literária como um importante ponto de apoio para as personagens que estão vivendo a dádiva da gravidez. Pelo contrário, o objetivo de “O que Esperar Quando Você Está Esperando” é mostrar diversos casais passando pelas alegrias e pelos problemas advindos da descoberta da gravidez. Neste sentido, chama a atenção o grupo de atores que Kirk Jones reuniu para seu filme e que inclui nomes como Cameron Diaz, Jennifer Lopez, Elizabeth Banks, Chace Crawford, Brooklyn Decker, Ben Falcone, Anna Kendrick, Dennis Quaid, Matthew Morrison, Chris Rock, Rodrigo Santoro, Joe Mangianello, Rebel Wilson, além de muitas outras personalidades que acabam interpretando a si mesmas no longa, como Megan Mullally, Dwayne Wade, Whitney Port, Cheryl Cole e Taboo.

Provavelmente, o elemento mais interessante de “O que Esperar Quando Você Está Esperando” é a escolha de histórias a serem contadas. No filme, encontramos diversas situações que representam algo com o qual podemos nos relacionar – como plateia – tendo em vista que isso poderia estar acontecendo com qualquer um de nós, como, por exemplo, a descoberta de uma gravidez acidental após uma única noite de amor que, provavelmente, não resultaria num relacionamento amoroso; a descoberta de gravidez entre um casal formado por uma jovem com seu marido bem mais velho e que se encontra no seu segundo casamento; a descoberta de uma gravidez muito desejada e planejada após anos de tentativa por um casal; a descoberta de uma gravidez entre um casal célebre e que tem bem pouca coisa em comum e a descoberta de que um casal que não consegue engravidar serão pais de uma criança via adoção.

Acompanhar o desenrolar dessas histórias, cada uma com suas particularidades e com as características bem humoradas trazidas pelo roteiro de Shauna Cross e Heather Hach, acaba por ser um dos pontos positivos de “O que Esperar Quando Você Está Esperando” por atenuar um pouco a seriedade de algumas dessas situações. Porém, aí está mais um ponto positivo do filme: o diretor Kirk Jones sabe o momento de falar sério e sabe a hora certa de brincar com este tema. Entretanto, o que acaba prejudicando um pouco a sua obra é a irregularidade entre as histórias – algumas são muito bem trabalhadas, enquanto outras (como a que envolve Anna Kendrick e Chace Crawford, bem como aquela que mostra o grupo de pais que se reúne todo sábado num parque para brincar com seus filhos e conversar besteiras entre eles) perdem logo o seu propósito durante a obra.

3 comments

    • Kamila Azevedo 21 maio, 2013 at 23:01 Responder

      Raspante, o elenco chama a atenção, mas tem muita gente nesse elenco que não é uma maravilha! rsrs Porém, realmente, esse é um filme perfeito para se assistir em uma tarde descompromissada.

      Celo, é uma adaptação estranha mesmo!

Deixe uma resposta