Cena da Semana

publicado em:26/05/13 11:53 PM por: Kamila Azevedo Cena da Semana

(Cena de “La Vie d’Adèle” [2013] – diretor: Abdellatif Kechiche)

Não deu nem “The Past“, nem “Nebraska”, nem “Inside Llewyn Davis“, nem “The Immigrant”. O grande vencedor da Palma de Ouro do Festival de Cinema de Cannes 2013 foi o filme “La Vie d’Adèle”, dirigido e co-escrito por Abdellatif Kechiche. Em cerimônia de premiação realizada hoje, com apresentação de Audrey Tautou, o júri deste ano, presidido pelo diretor norte-americano Steven Spielberg, decidiu justamente a história da descoberta sexual de uma garota, interpretada por Adèle Exarchopoulos, bem como do relacionamento amoroso que ela estabelece com a personagem de Léa Seydoux. Em seu discurso de agradecimento após o anúncio do prêmio, o diretor Kechiche dedicou a vitória aos jovens que viveram a revolução em seu país natal, a Tunísia: “Para que [eles] possam viver em liberdade, expressarem-se em liberdade e amarem em liberdade”. Além do prêmio principal, na noite de gala do festival, “La Vie d’Adèle” também foi eleito o Melhor Filme pela Federação de Críticos de Cinema.

Veja abaixo a lista completa de premiados do Festival de Cinema de Cannes 2013, que mostra que o júri presidido por Spielberg dividiu bem os prêmios entre todos os favoritos da crítica no evento:

Palma de Ouro

Blue is Warmest Colour, de Abdellatif Kechiche (França) – menção para Kechiche e para as atrizes Léa Seydoux e Adèle Exarchopoulos

Grande Prêmio do Júri:

Inside Llewyn Davis, de Joel e Ethan Coen (EUA)

Melhor Diretor:

Amat Escalante, por Heli (México)

Prêmio do Júri:

Like Father, Like Son, de Hirokazu Kore-Eda (Japão)

Melhor Ator:

Bruce Dern, por Nebraska (EUA)

Melhor Atriz:

Bérénice Bejo, por Le Passé (França)

Melhor Roteiro:

Zhangke Jia, por A Touch of Sin (China)

Prêmio Caméra d’Or (Para longa-metragem de um diretor estreante)

Ilo Ilo, de Anthony Chen (Cingapura)


Post Tags

Kamila Azevedo

Jornalista e Publicitária



Comentários


Foi uma premiação curiosa, e equilibrada até. Já estou aguardando a estreia de alguns desses filmes por aqui… Vamos torcer para que não demore.

Responder

Amanda, também estou aguardando a estreia de vários desses filmes por aqui! Com certeza, chegarão em Salvador. Aqui em Natal, tenho minhas dúvidas, infelizmente….

Responder

Esperando por todos aqui.
Léa Seydoux, sempre.

Responder

Herculano, também fico curiosa em relação aos filmes premiados em Cannes. Só lamento o fato de que estes mesmos filmes tenham uma distribuição difícil no Brasil e, provavelmente, não chegarão aqui em Natal.

Responder

Deixe uma resposta