Cena da Semana: “Procura-se um Amor que Goste de Cachorros”

publicado em:14/09/15 12:02 AM por: Kamila Azevedo Cena da Semana

(“Procura-se um Amor que Goste de Cachorros” [2005] – diretor: Gary David Goldberg)

Em “Sob o Sol de Toscana”, de Audrey Wells, Diane Lane interpreta uma crítica literária recém-divorciada que, depois de receber a ajuda de um casal de amigas lésbicas, viaja em uma excursão gay para a Toscana. Durante a viagem, a crítica decide fixar residência na cidade italiana, onde pretende reconstruir a sua vida e, quem sabe, encontrar o amor novamente.

Ao que tudo indica, Diane Lane se especializou em interpretar este tipo de mulher, pois, em “Procura-se um Amor que Goste de Cachorros” (que título horrível), do diretor Gary David Goldberg, a atriz interpreta Sarah Nolan, uma professora da pré-escola que acaba de se divorciar. Sarah não tem nem tempo para lamentar o fim do casamento, pois sua família – especialmente sua irmã (Elizabeth Perkins) e seu pai (Christopher Plummer) – entra em uma missão: ajudar a professora a retomar a sua vida amorosa.

A ajuda nem sempre dá certo e, muitas vezes, é bem atrapalhada. Porém, de todas as soluções adotadas pela família de Sarah, a mais criativa (e atual) é inscrevê-la (sem que ela saiba) em um site de relacionamentos. Ao conhecer e permitir a entrada das personagens interpretadas por John Cusack e Dermot Mulroney na sua vida, Sarah irá vivenciar algo que representa muito bem o momento pelo qual está passando: ela quer encontrar um amor novamente, mas ainda não se sente preparada para isso, ou seja, ela quer se reencontrar primeiro para poder se entregar por inteiro a alguém.

“Procura-se um Amor que Goste de Cachorros” é uma comédia romântica na maior acepção da palavra. No filme, encontramos aqueles momentos singelos, engraçados, tristes e de finalizações que fazem parte da vida de quase todas as pessoas. É por razões como essas que o filme acaba cumprindo – muito bem, por sinal – o seu papel.



Post Tags

Kamila Azevedo

Jornalista e Publicitária



Comentários



Deixe uma resposta