Cena da Semana: "Maradona by Kusturica"

(Maradona by Kusturica [2008] - diretor: Emir Kusturica)

O menino Diego Armando Maradona tinha dois sonhos: o primeiro, era jogar uma Copa do Mundo; e o segundo, era ser um campeão. É certo dizer que ele, não só realizou os seus maiores sonhos, como foi além, se tornando um dos maiores jogadores de futebol de todos os tempos. O documentário Maradona by Kusturica, dirigido por Emir Kusturica, não se dedica a mostrar a trajetória de um dos maiores jogadores de futebol da história da Argentina, e sim acompanha os passos de Maradona após ele passar por um dos momentos mais delicados da sua vida: a internação, após sofrer um infarto em decorrência de uma overdose, em 2004, que o fez repensar a sua vida e, em consequência disso, largar o vício em drogas.

Por isso mesmo, o filme de Kusturica é interessante para conhecermos um pouco do outro lado de Maradona, como a sua dedicação política, na Argentina, em Cuba, na Venezuela e os bastidores de alguns dos jogos mais importantes de sua carreira, como o Argentina x Inglaterra, nas quartas-de-finais da Copa do Mundo de 1986, em que aconteceu o famoso Gol com a "mão de Deus".

Entretanto, o documentário acaba pecando mais pela resistência do seu próprio personagem principal em compartilhar os seus pensamentos. Desta maneira, a presença mais importante em Maradona by Kusturica acaba sendo a do seu diretor. É a percepção de Emir Kusturica sobre o seu protagonista que permeia o filme.

2 comments

    • Kamila Azevedo 27 maio, 2016 at 21:11 Responder

      Amanda, também me surpreendi com a Igreja Maradoniana, mas, de certa maneira, o futebol é quase uma religião, pra muita gente. rsrsrsrsrs

Deixe uma resposta