Cena da Semana: "O Ano Mais Violento"

(O Ano Mais Violento [2014] - diretor: J.C. Chandor)

O título O Ano Mais Violento, do filme dirigido e escrito por J.C. Chandor, pode ser explicado pelo fato de sua trama estar situada no ano de 1981, na cidade de Nova York, que foi considerado como um dos períodos mais violentos da história da cidade. Em meio a essa conjuntura, temos o empresário Abel Morales (Oscar Isaac), imigrante que conseguiu vencer na vida e se impor na localidade, se tornando um dos mais bem-sucedidos empresários do ramo de combustíveis. Quando o filme inicia, Abel está querendo expandir seu negócio, por meio da compra de uma antiga refinaria.

O roteiro de J.C. Chandor acompanha justamente o período de 30 dias que Abel tem para fechar o negócio com os vendedores do terreno. Nesse ínterim, a personagem tem que lidar com inúmeras questões, dentre elas: a ameaça dos roubos de cargas, a concorrência desleal do seu ramo, as pressões que advêm de sua família (em especial da esposa, que é interpretada por Jessica Chastain) e a ameaça de ser processado por um promotor (David Oyelowo) que busca evidências de corrupção e lavagem de dinheiro em seus negócios.

Todos esses problemas nos mostram, na verdade, a essência do caráter de Abel Morales, um homem bom, que tenta ser o mais justo possível nos seus processos de tomadas de decisão e que tenta construir sua vida empresarial dentro do limite da legalidade. O Ano Mais Violento chama a atenção pela excelente reconstituição de época, pelo trabalho maravilhoso de fotografia e pela maneira como constrói, especialmente, a sua personagem principal - que é muito bem defendida por Oscar Isaac.

2 comments

Deixe uma resposta